Postagens

Como Escolher uma Igreja Para Congregar? (2ª parte)

Vós, pois, amados, prevenidos como estais de antemão, acautelai-vos; não suceda que, arrastados pelo erro desses insubordinados, decaiais da vossa própria firmeza” (2 Pe 03.17)
Na primeira parte desse assunto (ver post anterior aqui), tratamos de três pontos importantes para análise de quem procura uma boa igreja para congregar (a exposição da Palavra, sistema teológico e doutrinário e culto cristocêntrico). Agora passaremos a outros pontos também importantes.
Ao buscar uma boa igreja para frequentar também é importante observar sua raiz histórica. Igrejas que possuem sua herança teológica diretamente ligada à Reforma Protestante são mais equilibradas, pois estão baseadas em uma teologia formada por pensadores e estudiosos de renome, homens que dedicaram suas vidas à pureza na doutrina e aos desvios das heresias. Nesse aspecto, evite igrejas surgidas recentemente, pois normalmente são fruto de divisões internas, criadas para satisfação da ambição de sua própria liderança.
Também, busque…

Como Escolher uma Igreja Para Congregar? (1ª parte)

Imagem
Atualmente o Brasil possui mais de 30.000 denominações evangélicas. É um número espantoso! Cada uma delas possui seu sistema teológico, práticas de usos e costumes e doutrinas que diferenciam (às vezes nem tanto) uma da outra.
Tal qual vários outros setores, existem aquelas que atuam de forma verdadeira e com o propósito de levar a pessoa à presença de Deus, enquanto outras existem apenas para a exploração da fé com objetivos egoístas, mesquinhos e gananciosos.
Mas como em meio a tantas opções, escolher uma igreja que seja séria, honesta, realmente preocupada em levar seus membros a uma vida cristã verdadeira? 
A igreja reformada possui em suas bases, as marcas da verdadeira igreja que são a referência principal nessa análise (pregação fiel do evangelho, administração correta dos sacramentos e o exercício da disciplina eclesiástica). Porém aqui farei uma abordagem mais generalizada, para depois retornar a elas. Portanto, começaremos a ver alguns pontos importantes para essa análise.
Creio…

Há Muito Tempo Larguei a Igreja. O Que Devo Fazer?

Imagem
"Levantar-me-ei e irei ter com meu pai..." (Lc 15.18a)
Há muitas pessoas que já frequentaram uma igreja, cresceram participando da Escola Bíblica, sendo assíduos em todas as atividades das sociedades internas, mas atualmente estão longe da igreja.  No geral há um sentimento de necessidade da comunhão com os irmãos, de culpa pelo afastamento, de tristeza pelo isolamento eclesiástico e, juntamente com esses, também a vergonha e a fraqueza pelo retorno. O que fazer? Creio que o primeiro passo é a conscientização acerca da condição vivida. Sem o reconhecimento do quadro em que está vivendo, não há busca de solução. Ninguém busca um tratamento médico, enquanto não há discernimento da doença existente.  Quando olhamos a parábola do filho perdido (Lc 15.11-32), essa conscientização foi o pontapé inicial que o levou à restauração de sua vida, de sua dignidade (v. 17). Juntamente com essa conscientização veio o arrependimento, que consiste em uma decisão de voltar as costas para o pecado…

Brevíssima Palavra Sobre o Pastor Local e a Política

Imagem
Todos sabemos que igreja não é palanque para se fazer campanha a favor de políticos ou legendas partidárias. A igreja não pode indicar candidatos ou mesmo partidos para seus fiéis. Por outro lado há uma responsabilidade pastoral na denúncia quanto às atividades ilegais ou imorais de seus governantes. Essa responsabilidade é demonstrada historicamente através das lições bíblicas acerca das atitudes dos profetas e apóstolos que, por tantas vezes, denunciaram a ilegalidade e imoralidade de seus príncipes e governadores que reinavam sobre o povo. Foi assim com Natã em relação ao pecado de Davi (2 Sm 12), Micaías em relação a Josafá e ao rei de Israel (1 Rs 22), Isaías condenando as leis injustas (Is 10.1); Habacuque que condenava a opressão e corrupção (Ha 01.01-04); bem como os apóstolos João, Paulo e Pedro faziam contra o império Romano; e muitos outros exemplos que podem ser vistos na Bíblia Sagrada. Dessa forma, é de se surpreender quando membros das igrejas ignoram as denúncias que s…

Para Que Ser Salvo?

Imagem
Nesta carta, Paulo tem o objetivo de ser bem prático com relação à administração da igreja. No início ele ensina a Tito de como devem ser feitas as escolhas para os oficiais na igreja (1.5-9), e de como cada pessoa da igreja deve se portar na sociedade (2.1-10). E ele fala que esse portar santo no meio dessa sociedade, ocorre porque somos educados pelo evangelho a agir dessa forma (2.11-15). Então aqui, no cap. 3, Paulo demonstra o porque somos educados dessa forma. Primeiramente, porque a salvação veio a nós de forma misericordiosa e benigna, nos lavando – pela ação do Espírito Santo – de toda imundícia de pecado. Ou seja, devemos viver de uma forma diferente nesse mundo, porque já deixamos de agir conforme o pecado. Portanto, nessa linha de pensamento, Paulo nos próximos versículos continua demonstrando as conseqüências dessa salvação em nós (v. 7-11). Para que fomos salvos?
Fomos Salvos Para Sermos Filhos (v. 7) A idéia de Paulo, é de que estávamos todos afundados na pior…

DIA DA MENTIRA ? AQUI NÃO!!!

Imagem
“Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo, pois somos membros uns dos outros.”
(Ef 4.25)

  Os brasileiros comemoraram no dia 1º de Abril a famosa “brincadeira” chamada de Dia da Mentira. Apesar de que na ética do senso comum, toda mentira é vista com maus olhos; nesse dia, dizem, toda mentira é permitida para enganar de forma divertida as pessoas.
Mas, o que a Palavra de Deus diz a respeito da permissividade da mentira ao cristão? Sendo usada como brincadeira, Deus se importa?
Antes de respondermos diretamente a essa pergunta, vejamos algumas considerações:
Primeiramente, a Bíblia declara que a mentira tem como seu pai o diabo e, assim, os mentirosos são seus filhos (Jo 8.44). No mesmo sentido, a mentira seria uma característica dos últimos dias, uma estratégia do anticristo (2Tss 4.9-11) através dos quais alguns negariam a fé (1Tm 4.2).
Em segundo lugar, e em oposição à atitude satânica, a Bíblia nos declara que Deus é o Deus da verdade e que, portanto,…

ADOREMOS O CORDEIRO MORTO

Imagem
“Falai a toda a congregação de Israel, dizendo: Ao décimo dia deste mês tomará cada um para si um cordeiro, segundo as casas dos pais, um cordeiro para cada família.” (Ex 12.3)
Ao chegarmos ao período da Páscoa, muitas coisas permeiam nossa cabeça: festas, chocolates, diversão para a criançada e etc. Porém nestes últimos dias tenho pensado mais a respeito do que foi a primeira páscoa. Aquela Páscoa proclamada por Deus a Moisés para o povo de Israel que estava cativo no Egito, servindo como escravos e fazendo tijolos para faraó. Naquele momento Deus anuncia que cada família, deveria imolar um cordeiro sem defeito, aspergindo seu sangue na ombreira das portas, e comendo de forma apressada. Assim, gostaria de observar rapidamente alguns pontos: 1º) A idéia do cordeiro morto em favor da família, demonstra que o plano eterno de Deus é justamente salvar um povo familiar; ou seja, a Bíblia nos diz que a partir do momento da salvação deixamos de ser simples criaturas, para nos tornarmos filhos de…